Breves considerações

O termo “pedofilia’ é originaria do grego “pedos” (significa criança ou menino) + filia (significa inclinação ou afinidade), ou seja, literalmente pedofilia significa, “afinidade com crianças”. Classificado pela filosofia com um transtorno mental , o que não significa que o acusado seja doente mental ou tenha desenvolvimento mental incompleto, uma vez, que na maioria dos casos o criminoso entendi que esta praticando um ato ilícito .
Não existe um crime intitulado “pedofilia” na legislação brasileira. Mas o comportamento, e os atos de um pedófilo é o que pode ser considerado crime. Sendo alguns dos crimes, caracterizados como estrupos e pornografia infantil.
Pratica, portanto um crime ligado a pedofilia, a pessoa que comete estupro contra uma criança, que cometeu um atentado violento ao pudor ( antes lei 12.015/2009) contra uma criança, aquele que produz, vende, troca ou publica pornografia infantil,aquele que assedia sexualmente uma criança através da internet, ou de outro meio, aquele que promove e aproveita da prostituição infantil, entre outros casos.
Podemos observar nos dias de hoje um grande aumento de casos de pedofilia no mundo, mas na verdade não é que os casos têm aumentado tanto, mas sim hoje com a internet que facilita a pratica deste crime, e também com os vários meios de comunicação que facilita a divulgação de casos, que se tornam cada vez mais conhecidos através da mídia.
Nos dias de hoje existem varias campanhas (como por exemplo, a campanha “Todos contra a pedofilia”, www.todoscontraapedofilia.ning.com, da CPI da pedofilia, entre outras) de conscientização e combate, e a maior divulgação da mídia nos crimes de pedofilia.
De mãos dadas com o seqüestro, o trafico e o homicídio, a pedofilia arrasa não apenas as crianças e seus familiares, mas abala, pela raiz, a base, a arvore da esperança da humanidade, abala o futuro
É dever de todos preservarem, com amor e carinho, a integridade e a alegria da infância. As crianças são o que temos de mais precioso, são as nossas perspectivas do futuro, são a continuidade de nossas experiências em busca de uma sociedade mais justa.
Denuncias:
-Promotoria de Justiça da Vara da Infância e Juventude;
-Conselho Tutelar;
-Disque 100 (ligação anônima);
-safernet – www.safernet.org.br;
-Central Nacional de Denúncias de Crimes Cibernéticos – www.denunciar.org.br .

Exibições: 210

Responder esta

Respostas a este tópico

Olá a todos. Vou contar um fato verídico que aconteceu comigo uns dias desses. Eu estava voltando para casa. Era domingo, pouco mais de uma da tarde. Peguei um ônibus que fazia um retorno pela praia. O ônibus, já no retorno, ficou lotado. Muita gente ficou em pé. Uma mulher trazia sua filha, de no méximo 4 anos, talvez menos, mas tinha tamanho de uma criança normal de 4 anos. Uma linda garotinha. Como não havia lugar sentado e ninguém ofereceu lugar - eu estava em pé ao lado dela -, uma jovem senhora de uns 45 anos pediu para levar a menina no colo. A menina estava só de bikini, sem a parte de cima (para quê serve a parte de cima do bikini para uma criança de 4 anos?) e sentou-se no colo da mulher. A mãe ficou meio de lado, mas eu fiquei bem de frente à elas. A mulher colocou sueus braços em volta da menina e as mãos pousaram sobre suas coxas. Eu nem dei bola. Mas, num determinado momento, com o balançar do ônibus, a mulher começou a alisar as coxas da menina, bem sutilmente. Passei a prestar atenção sem que ela percebesse. Foi aí que eu vi. Eu vi com esses ohos que a terra há de comer. A mulher começou a colocar suas mãos entre as coxas da menina e se aproximou devagar da geitália da menina. Afastei-me um pouco, ficando de lado, mas dava para ver melhor. Percebi movimentos cinculatórios e ondulantes das mãos da mulher nagenitália da menina. Ela a estava masturbando!  Estava acariciando seus genitais. Seus dedos estavam todos dentro do bikini dela! Fiquei surpreso. Nunca vira uma mulher bulinando uma criança sexualmente. Não adianta vir alguém dizer que ela estava fazendo carinho na criança, pois, visivelmente, estava masturbando-a. Agora, o que vocês acham que eu deveria ter feito? Pensem bem. O ônibus estava lotado. Deveria anunciar o que ela estava fazendo para todos no ônibus? Diga-me honestamente. Quem acreditaria em mim? Quem acreditaria que uma mulher possa fazer uma coisa dessas? Iam me chamar de doido. Ou que eu vi coisa que não existia, que era um engano. Quem duvidaria de uma mulher? Quem acreditaria em mim? E o mais estranho: porque a menina não reagiu? Porque ela não esboçou reação? Para mim, qualquer criança que já fale, sabe o que é demais e o que não é, o que fere a sua integridade, sabe dizer não quando não quer uma coisa. Uma criança bem informada sabe lidar com uma situação dessa. Não ficaria calada. Qual o papel dessa mãe? A grande questão é: Ninguém houve falar de mulheres pedófilas, apesar do número de casos de pedofilia envolvendo crianças com mulheres adultas esteja aumentando. A Polícia Federal, em suas apreensões de vídeos com pornografia e abuso infantil, já soma 30% de participação de mulheres neles, seja praticando, seja ajudando ou levando crianças para os namorados ou maridos pedófilos. Já li numa revista portuguesa (depois forneço o nome e o número) que os casos de mulheres pedófilas já somam quase 20% dos casos totais! Esse número era de apenas 5% há 15 anos. Especula-se que o número seja muito maior em virtude da ignorância popular sobre o tema e da facilidade que essas mulheres têm para se aproximar de crianças. A novela da Globo Passione revelou o submundo da pedofilia, e revelou um caso de uma mulher abusadora de crianças. Isso é importante. Ninguém fala sobre isso na TV. Só se relata casos de homens, mas não podemos ficar calados e negligenciar os casos de mulhers que pegam e usam de crianças para obtenção de prazer sexual. Já está mais que na hora de uma grande discussão sobre o tema. Em todo o mundo, professoras, médicas, babás, fotógrafas e outras profissionais diretamente envolvidas com crianças, estão sendo presas por abusarem de crianças. Recentemente, não me lembro se na Grã-Bretanha, pegaram uma quadrilha formada só por mulheres pedófilas. O meu objetivo com esta mensagem é alertar e informar. As mulheres pedófilas estão no paraíso, afinal, elas podem tudo, têm maior facilidade de ter contato com crianças - quem desconfiaria de uma mulher? Precisamos acabar com esse paraíso, pelo bem de nossas crianças. Desde já, agradeço a atenção. Espero que minha mensagem se espalhe e que crie uma nova mentalidade sobre os casos de mulheres pedófilas. Felicidades.  

Responder à discussão

RSS

Download da Cartilha

Adquira a CAMISA da campanha

 

ILOJA VIRTUAL "TODOS CONTRA A PEDOFILIA", por Danusa Biasi

https://linktr.ee/tcpbrasil

Membros

Palestra sobre CRIMES DE PEDOFILIA

Entre em contato:
e-mail:
case@viaceu.com.br
telefone
37.3691.3169
Instagram
@case_fortes

© 2021   Criado por Carlos José e Silva Fortes.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço